A educação carrega consigo a missão de ser democrática e ensinar todas as pessoas, independente de limitações ou deficiências. 

Com isso, um novo conceito está sendo aplicados em escolas e instituições: a brincadeira inclusiva. Por meio de jogos e brinquedos acessíveis, crianças com deficiência podem aprender se divertindo.

Os brinquedos acessíveis têm um papel fundamental no ensino, assim como as brincadeiras

Com criatividade é possível realizar estímulos para criança que permitem que elas descubram e entendam as coisas ao seu redor com facilidade. Se aplicados da forma correta, eles podem transformar a educação e a vida dos pequenos.

Estímulos

Um dos principais fatores de ação dos brinquedos acessíveis é na produção de estímulos nas crianças com deficiência. 

É importante que o aplicador saiba manusear os brinquedos e também tenha paciência e seriedade para conduzir os jogos de forma que o resultado seja assertivo.

É muito interessante que esses jogos sejam aplicados até mesmo em turmas mistas, para que as outras crianças possam também entender e aprender com as diferenças, mas sempre levando o protagonismo para aquelas que precisam de atenção especial no ensino.

Brinquedos acessíveis

Conheça alguns brinquedos acessíveis e descubra como eles podem ser aplicados no dia a dia e suas indicações.

  • Cubo Tátil: Este brinquedo é ideal para que a criança comece a descobrir e perceber as diferentes formas existentes. Por ser maior, torna o uso mais fácil no que diz respeito ao tato, permitindo que a criança entenda e descubra cada área do brinquedo.

 

 

 

 

  •   Alfabeto libras: É um dos melhores brinquedos acessíveis para aprender o alfabeto em libra. São placas contendo a letra e o sinal correspondente a mesma. Assim, eles podem tentar reproduzir e de uma forma visual decorar qual o sinal de cada letra.

 

  •  Cubo relevo tecido: Brinquedo que estimula o tato e permite que o professor trabalhe com a noção de quantidades com a criança.

 

 

Todos os brinquedos indicados são um importante investimento na educação, utilizando do lúdico para que a criança com deficiência consiga aprender de uma forma mais simples e completa.

Não esqueça de analisar o que deseja desenvolver na criança e qual conhecimento deseja aplicar, tendo em vista um objetivo, a escolha do brinquedo será mais fácil. 

+ Veja também: Qual a verdadeira importância do sono na terceira idade?

Uma sugestão é que vá aos poucos, ensinando uma coisa por vez. Deixe que a criança consiga interiorizar e aprender um tema para que outro seja apresentado.

É essencial que sempre mantenha os estímulos, para que os ensinamentos não sejam esquecidos e para que sempre coloque em prática os conhecimentos. 

Esteja presente e acompanhe a evolução sempre, demonstrando a criança que está orgulhoso de seu avanço, este é um ato de amor importante.

Lei

Vale ressaltar que o Estatuto da Criança e do Adolescente, no artigo 4º, garante que tenham direito à vida, saúde, alimentação, educação, esporte, lazer, profissionalização, cultura, dignidade, respeito, liberdade, convivência familiar e comunitária.  

Ou seja, a utilização de brinquedos acessíveis é uma forma de assegurar que toda criança tenha acesso à educação e lazer.

A Convenção sobre os Direitos da Criança de 1989, em seu artigo 31º e a Constituição Federal, em seu artigo 217º também reforçam que é uma garantia legal que as crianças tenham acesso a brincadeiras, sem discriminação com idade, gênero, etnia, credo, condições pessoais ou quaisquer outras características.

Desta forma, tendo em vista que brincar é um direito inegociável das crianças, independente de qual seja a situação, apostar e investir nessas peças não é apenas uma diversão e sim uma obrigação.

Aprenda brincando

Com os brinquedos acessíveis, o ensino conseguirá cumprir seu papel de forma ampla e a criança além de aprender também irá divertir-se. 

Infelizmente, este tema ainda é desconhecido por muitos educadores e por muitos pais de crianças que possuem algum tipo de deficiência.

Espalhe a informação para que mais pessoas tenham conhecimento sobre os novos métodos de ensino e para que consequentemente ele seja aplicado cada vez mais em escolas.

Se possui uma criança próxima a você que tem alguma deficiência, escolha alguma de nossas indicações para desenvolver estímulos e ensiná-la. Análise aquele brinquedo que atende melhor a sua necessidade.

Invista nos brinquedos acessíveis para uma educação de qualidade e também para proporcionar momentos prazerosos para a criança. Eles também podem ser aplicados em família, para que todos construam o aprendizado juntos.